Rio de Janeiro-RJ

Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro acolhe à todos de braços abertos, com sua receptividade típica do estilo de vida despojado e alegre do carioca. É neste clima quente e festivo, que embarcamos juntos para conhecer os encantos mil da Cidade Maravilhosa.

De capital da colônia à sede do Império Português, a cidade que já foi distrito federal da República, testemunhou e protagonizou diversos capítulos da história do Brasil. Não por acaso, chegam diariamente diversos ônibus no Rio de Janeiro, trazendo milhões de turistas de todo o mundo ano após ano.

Cercada por montanhas, praias e florestas, a cidade é conhecida pelas belas paisagens, clima tropical além da grande quantidade de opções para lazer entre elas, os grandes eventos que ocorrem anualmente. Destacam-se entre estes eventos, o Réveillon do Rio de Janeiro, onde toneladas de fogos de artifício iluminam e colorem os céus de Copacabana para saudar o Ano Novo, enquanto no Carnaval, a folia toma conta das ruas, e do Sambódromo, cenário dos grandes e concorridos desfiles das Escolas de Samba.

Mapa de Ônibus para Rio de Janeiro

Pesquise horários de ônibus para Rio de Janeiro, compare preços e compre a sua passagem de ônibus para Rio de Janeiro na nossa Central de Passagens.

Chegando no Rio de Janeiro

De ônibus: o desembarque é feito na Rodoviária Novo Rio, localizada na região portuária, próxima aos principais pontos de acesso à cidade e seus bairros. Existem vários horários de ônibus do Rio de Janeiro chegando e saindo para diversas cidades diariamente na Rodoviária do Rio de Janeiro - Novo Rio.

De avião: Dois aeroportos operam diariamente com inúmeros vôos pousando e decolando para os principais destinos do Brasil e do mundo. O Aeroporto Internacional Antonio Carlos Jobim, conhecido popularmente como Galeão, situado na Ilha do Governador, opera com vôos nacionais e internacionais, enquanto que o Aeroporto Santos Dummont, que fica no Centro, opera com vôos domésticos nacionais.

No Galeão você encontra o serviço de ônibus urbano da companhia de transporte Real Auto Ônibus que oferece a linha 2145, que interliga o Aeroporto Santos Dumont ao Aeroporto Internacional do Galeão e também com a Rodoviária Novo Rio, e funciona das 5:30 às 22:30 hrs. Há também a linha 2018, que liga o Aeroporto do Galeão (Antonio Carlos Jobim) à Alvorada. Outras opções para vocês se deslocar seriam os táxis localizados na área externa de desembarque, ou as empresas de locação de automóveis situadas no aeroporto. Para maiores informações acesse o site oficial do Aeroporto Galeão.

Quem desembarca no Aeroporto Santos Dummont, pode contar com o mesmo serviço de ônibus urbano oferecido no Galeão, as mesmas linhas de ônibus oferecidas acima realizam o trajeto até o Santos Dummont, ou então você pode optar pelo serviços de táxis. Também existe no aeroporto uma empresa de locação de automóveis. Para maiores informações acesse o site oficial do Aeroporto Santos Dumont.

Onde ficar

Ao escolher o hotel em que você irá se hospedar tenha em mente que o Rio é uma cidade grande. Sendo assim, escolha a localização do hotel de acordo com as atividades que você quer fazer, para não perder muito tempo com deslocamentos e aproveitar melhor o dia.
A rede hoteleira do Rio é pequena para a grande demanda da cidade. Evite ao máximo viajar sem reserva confirmada.

Na Zona Sul, os hotéis de Copacabana costumam ter tarifas mais em conta do que os de Ipanema e Leblon, que são mais caros realmente por serem os bairros mais nobres da cidade. Mas se você quer mesmo ficar nessas imediações há muitas opções de hostels bem bacanas.

Indo a trabalho você provavelmente estará bem servido pelo hotéis do Centro (há alguns inclusive próximos ao aeroporto Santos Dumont).

Santa Teresa é um polo de pequenos hotéis de charme. Tem muitas pousadas para todo estilo de viajante.

A Barra da Tijuca, conhecida também por "Barra", é um dos bairros nobres do Rio, cheio de condomínios e grandes empreendimentos imobiliários. É um local que cresceu muito nos últimos anos, que possui shoppings de grande porte e bons restaurantes. Com uma praia famosa e vias largas, a Barra é um bairro moderno, que contrasta com o cenário visto nos bairros mais antigos da cidade.

Apesar de ser um local muito bonito, um dos pontos negativos da Barra é não ter metrô, portanto se pretende ficar na Barra, saiba que terás que contar com outros tipos de transporte urbano.

Onde Ir

Seja de dia ou à noite, o Rio de Janeiro é uma cidade badalada por natureza. A cidade tem como patrimônio, uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo: a estátua do Cristo Redentor.  Localizado no topo do  Corcovado, uma montanha a 710 metros de altura, o monumento é considerado um dos mais admirados e visitados da cidade.  Para se chegar ao topo da montanha, Cariocas e turistas têm como opção de transporte, vans autorizadas saindo da Praça do Lido, em Copacabana, na Zona Sul, fazendo um trajeto direto para o monumento, como já acontece também no bairro do Largo do Machado. O serviço funciona diariamente, das 8h às 17h, em direção ao Corcovado. Outra opção de transporte para chegar até o Cristo Redentor é o Trem do Corcovado, para utilizar o serviço você deve pegar o ônibus na estação Largo do Machado para o bairro Cosme Velho, de lá você poderá comprar o bilhete para o Trem do Corcovado, maiores informações no site oficial do Trem do Corcovado.

Do alto do Corcovado, têm-se uma vista panorâmica que vai da Zona Norte (Tijuca, Maracanã, Penha) à Zona Sul da cidade (Copacabana, Ipanema Leblon, Jardim Botânico, Lagoa).

A cidade tem cerca de 30 km de orla contornada por calçadões e ciclovias, tomadas diariamente  por pessoas caminhando, pedalando, correndo ou apenas observando o movimento das praias mundialmente conhecidas, tais como: Copacabana, Ipanema, Leblon, Prainha e Praia da Macumba.

A visita ao Pão de Açúcar, além de emocionante, permite uma vista privilegiada de toda a cidade e da Baia da Guanabara. A subida é feita utilizando um teleférico (conhecido como “bondinho”), que faz a ligação entre duas estações.

Chegando ao centro do Rio, na Cinelândia, é difícil resistir às confeitarias históricas, museus e ao Teatro Muncipal.

O Estádio Jornalista Mário Filho, mais conhecido como Maracanã é um dos estádios mais famosos do mundo e um dos pontos mais visitados do Rio de Janeiro.

O Rio não para e à noite, a Lapa é o destino para os boêmios de plantão. Lá, você encontra bares e casas de shows de todos os gêneros, dos mais tradicionais como o Circo Voador, até os mais alternativos, como a Fundição Progresso.

O Pier Mauá é o local onde chegam navios com turistas no Rio de Janeiro. Ele está a 2km do Aeroporto Santos Dumont e é considerado atualmente o melhor porto de cruzeiros da América do Sul. Conta com diversos serviços básicos que facilitam a vida de quem está em viagem, como banco 24 horas, restaurante e internet.

Existem algumas cidades próximas da capital fluminense, que são destino de milhares de turistas e cariocas.

No litoral Norte, conhecido como Região dos Lagos, encontramos cidades como Búzios, a mais badalada da região, Cabo Frio com suas praias de água cristalina e dunas de areias branquinhas, além de Arraial do Cabo, mundialmente conhecida como a capital internacional do mergulho e Rio das Ostras, com sua infraestrutura incomparável.

No litoral Sul, conhecido como Costa Verde, mar e montanhas se encontram revelando cidades como Angra dos Reis e suas 365 ilhas espalhadas em um mar de águas verdes e cristalinas, Itacuruçá onde você pode usufruir das várias trilhas que existem na região, além de Paraty, com suas ruas de pedra e casarões coloniais.

A Região Serrana, tem um charme a parte. Com seu clima ameno, em meio as montanhas, cidades como Petrópolis, Teresópolis e Itaipava, revelam uma beleza natural singular, motivo pelo qual, a família Imperial Portuguesa se encantou pela região.

Onde comer

O Rio de Janeiro tem uma diversidade gastronômica incontestável, que atende aos mais variados gostos e paladares. Da típica comida de Boteco, passando pelas casas de sucos e seus lanches naturebas, aos mais refinados restaurantes e suas vistas deslumbrantes, a cidade está repleta de polos gastronômicos. Na Zona Sul, alguns bairros como Botafogo, Gávea e Leblon, possuem uma região chamada de “Baixo” (Baixo Botafogo, Baixo Gávea...), onde estão localizados restaurantes, cinemas e teatros. Tanto no Leblon como em Botafogo, existem mercados de bairro que vendem desde frutas e verduras frescas a produtos de delicatessem, conhecidos como Cobal. Estes locais dispõem de praças de alimentação com bares e restaurantes e são uma ótima pedida para tomar aquele chopp gelado, ou comer algum petisco à noite com os amigos.

Ao redor da Lagoa Rodrigo de Freitas e na Orla das praias, vários quiosques oferecem de uma simples água de côco e sanduíche natural, à deliciosas refeições acompanhadas de uma paisagem indescritível.

A Zona Norte e Subúrbio, regiões conhecidas por serem o berço do Samba Carioca, oferecem uma culinária de mais “sustância”, como diz o Carioca. Mesmo com o clima quente da cidade, existem alguns pratos que são tradicionais nesta região, como a feijoada, o sarapatel, dobradinha ou uma rabada com agrião, sempre acompanhados de uma cerveja bem gelada e um bom samba.

Na região Central, pode-se fazer uma viagem no tempo, ao visitar as confeitarias com ares Franceses, além dos bares com seus deliciosos bolinhos de bacalhau, bolinhos de carne e as porções de calabresa acebolada, quitutes típicos dos compadres Portugueses.

Mobilidade Urbana

A cidade do Rio de Janeiro é coberta por uma ampla rede de transporte rodoviário, ferroviário e marítimo.

Metrô: O metrô do Rio de Janeiro possui 2 linhas: a linha 1 liga o bairro da Tijuca  a Ipanema, possui 19 estações e faz integração com a Barra, Gávea e Botafogo. Já a a linha dois vai do bairro da Pavuna até Cidade Nova, no centro do Rio, possui 16 estações e integração para Barra e Jacarepaguá.

Ônibus Urbano: Centenas de ônibus atendem a região metropolitana, ligando os principais centros às regiões periféricas da cidade.

Táxis: No Rio, os táxis amarelos são uma boa opção de custo-benefício. Procure sempre pegar taxis que pertençam a Cooperativas (identificado nas laterais do carro), evitando supresas desagradáveis. Os táxis azuis (rádio táxi), apesar de serem minoria, são especiais e cobram preços fixos e maiores nas corridas.

Pelo mar: Se você deseja conhecer a cidade de Niterói ou mesmo a ilha de Paquetá, uma boa pedida é navegar pelas águas da Baía de Guanabara utilizando o serviço das Barcas. A estação fica na Praça XV, no Centro do Rio. Esse transporte é usado diariamente por milhares de pessoas que trabalham no Rio, mas moram em Niterói. Caso você tenha vontade de conhecer "o outro lado da ponte", utilizar as barcas pode render um passeio bem interessante.

De Bicicleta: Existe no Rio de Janeiro um projeto de sustentabilidade da Prefeitura chamado  Bike Rio,trata-se de um sistema de aluguel de bicicletas, elas estão disponíveis em estações distribuídas em pontos estratégicos da cidade, caracterizando-se com uma solução de meio de transporte de pequeno percurso para facilitar o deslocamento das pessoas nos centros urbanos.

Siga @buscaonibus no  Twitter